E agora, José? Iplan vai terceirizar revisão do Plano Diretor de PG

O Iplan, que foi uma das grandes promessas de campanha de Marcelo Rangel (PSS), informou que não tem equipe suficiente para revisar o Plano Diretor Municipal.
O Iplan, uma das grandes promessas de campanha de Marcelo Rangel (PPS), informou que não tem equipe suficiente para revisar o Plano Diretor Municipal.

Faltando menos de um ano para encerrar o prazo da entrega do Plano Diretor do Município (PDM), o Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano (Iplan), informou que vai terceirizar a revisão do plano. Segundo o Iplan, a falta de pessoal e de estrutura é o principal motivo para terceirização. Para isso, o órgão solicitou um crédito de mais R$ 200 mil, que terá que passar pela aprovação da Câmara dos Vereadores de Ponta Grossa. O prazo para entrega do PDM encerra em outubro de 2016.  Municípios menores que Ponta Grossa, como Castro e Palmeira, já estão com o PDM concluído e aguardam os trâmites legislativos.

No documento encaminhado aos vereadores, o Iplan destacou que é “inviável a elaboração do novo plano com a equipe técnica que possui”. “O desenvolvimento de um PDM demanda uma equipe profissional multidisciplinar, composta de arquitetos urbanistas, engenheiros civis, engenheiros ambientais, cientistas sociais, advogados, economistas, geógrafos e geólogos”. Além do número de profissionais, o instituto diz que a revisão exige dedicação em tempo integral ao projeto. “Essas condições não seriam atendidas caso o PDM fosse desenvolvido pela equipe do Iplan, já que o instituto conta hoje com quatro arquitetos e um engenheiro civil”, justificou o Iplan.

O Iplan foi uma das “grandes promessas” do prefeito Marcelo Rangel (PPS), durante a campanha eleitoral de 2012. Em seus discursos de campanha, o prefeito sempre criticava as gestões anteriores, pela desativação do Iplan: “Em outras gestões o instituto ficou desativado. Nós entendemos que o Iplan é fundamental para o desenvolvimento de projetos e melhorias na estrutura urbana da cidade. Vamos reativar o Iplan, para que cidade possa melhorar no planejamento urbano e em todas as àreas. Com isso, Ponta Grossa, vai se tornar referência em acessibilidade, urbanismo e modernidade”, disse o prefeito Marcelo Rangel. E agora, José?

Com informações do jornalista Stiven de Souza do Jornal da Manhã

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s