Após críticas, Bolsonaro desiste do subsídio na conta de luz das igrejas

bolsonaro 4

Bolsonaro deixou claro que o veto ao subsídio partiu da equipe econômica.  (foto: divulgação)

O presidente Jair Bolsonaro afirmou hoje nesta quarta-feira (15) que “está suspensa qualquer negociação” sobre a possibilidade de dar subsídio à conta de luz de templos religiosos de grande porte.

A decisão foi ratificada, de acordo com o presidente, depois de uma reunião na manhã de hoje com o missionário R.R. Soares, líder da Igreja Internacional da Graça de Deus, e o deputado Silas Câmara (Republicanos), um dos representantes da bancada evangélica no Congresso.

Apesar de ter recuado, Bolsonaro defendeu a viabilidade da proposta e afirmou que “o impacto [financeiro] seria mínimo na ponta da linha”. Segundo o presidente, que é mais bem avaliado entre o eleitorado evangélico, o veto ao subsídio partiu da equipe econômica.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s