Chefe da 13ª SDP faz balanço sobre ações da Polícia Civil em Ponta Grossa e região

Nagib Nassif Palma assumiu em janeiro de 2019 a chefia da 13ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa (SDP). Com o início da pandemia, o delegado destacou que crimes como homicídio e furtos sofreram uma baixa na região, enquanto crimes como violência doméstica, perturbação da ordem aumentaram. (Foto: Rodrigo Charneski)

Por Rodrigo Charneski

O delegado e chefe da 13ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa (SDP), Nagib Nassif Palma, esteve presente nesta quinta-feira (19), no programa Jornal Falado Clube, com a apresentação da jornalista Mareli Martins, para falar sobre o trabalho da Polícia Civil em Ponta Grossa e na região dos Campos Gerais.

Nagib Nassif Palma assumiu em janeiro de 2019 a chefia da 13ª Subdivisão Policial de Ponta Grossa (SDP). Com o início da pandemia, o delegado destacou que crimes como homicídio e furtos sofreram uma baixa na região, enquanto crimes como violência doméstica, perturbação da ordem aumentaram.

Para o delegado, a pandemia e o confinamento alteraram a ordem rotineira das pessoas, Isso somado com outros aspectos, como embriaguez e uso de drogas, que levaram ao aumento dos casos, essa lógica também se aplica às denúncias de excesso de barulho e perturbação da ordem. 

“Por conta disso, os crimes patrimoniais, na época, diminuíram e esses crimes patrimoniais como crimes e furtos diminuíram. Já crimes ocorridos dentro de casa aumentaram devido ao isolamento voluntário. Com o afrouxamento das políticas de distanciamento social, os casos de crimes violentos voltam a crescer em Ponta Grossa”, afirmou.

Para o delegado, os dois principais motivos foram a volta da circulação de pessoas e também os efeitos psicológicos provocados pelo confinamento. Com o aumento do uso de álcool e desavenças familiares desentendimentos entre familiares e pessoas próximas terminaram em homicídios.

“Coisas leves, no sentido criminal são desencadeadas pelos efeitos psicológicos que avançam os crimes leves para crimes mais violentos.” declarou.  

Infraestrutura e investimentos 

Nos Campos Gerais, havia um problema devido à alta concentração de detidos nas celas das delegacias da região. Muitos presos ficavam mais tempo que deveriam e não eram encaminhados para as penitenciárias. O delegado Nagib afirmou que houve um avanço significativo nesta área. Segundo ele, o principal motivo foi o fato do Departamento Penitenciário (DEPEN) assumir uma parte das carceragens das delegacias e dos presidiários da região, assim havendo um desafogamento do sistema penitenciário. 

Outra questão abordada foi a situação do Instituto Médico Legal (IML) de Ponta Grossa. Atualmente há uma demora para a liberação de corpos que são encaminhados para o IML. Existe um projeto que prevê a construção de uma nova estrutura para a construção um Centro de Anatomia anexo à estrutura do (IML). O projeto ainda não saiu do papel e é uma colaboração entre a Pró-reitoria de Planejamento da UEPG e a Polícia Científica. 

O delegado afirma que o projeto, embora ainda não tenha iniciado, o governo planeja dar continuidade. Segundo ele, um dos problemas é a burocracia governamental, que atrasa o início e continuidade de diversos projetos. “ Mas a boa notícia é que esse projeto não morreu. Tem projetos que morrem,  mas nesse caso há um esforço governamental e das pessoas envolvidas. O projeto está em andamento e eu acredito que teremos um novo IML e uma nova delegacia para a cidade de Ponta grossa.” confirma Nagib.

Polícia Civil atua no combate aos maus-tratos aos animais

Em 2020 houve uma alteração na lei federal que aumentou de um para cinco anos para quem maltratar animais. O setor responsável por esse tipo de denúncia teve uma grande demanda após a alteração da lei. No ano de  2021 foram registradas 4.864 denúncias recebidas pelo crime de maus-tratos aos animais, número 111,6% maior que no ano passado. 

“Essa mudança na legislação é muito atual, é preciso que as pessoas saibam que não alimentar o animal ou deixar ele preso sem local pra se locomover dá cadeia.” enaltece Nagib Palma. 

CONFIRA A ENTREVISTA COMPLETA NO FACEBOOK DA RÁDIO CLUBE

https://fb.watch/7uGchx36ve/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s