Arquivos de tags: corrupção

Operação Piloto: MPF pede aumento da pena do ex-chefe de gabinete do governo de Beto Richa

O Ministério Público Federal (MPF) pediu o aumento das penas do ex-chefe de gabinete ex-secretário de Comunicação no governo de Beto Richa (PSDB), Deonilson Roldo. O mesmo pedido também foi feito em relação ao empresário apontado como operador financeiro do político, Jorge Atherino. Ambos foram condenados em um processo sobre a duplicação da PR-323. O MPF também solicitou a condenação

Ler mais

Lava Jato: ex-chefe de gabinete de Beto Richa é condenado a 10 anos de prisão por corrupção

O ex-chefe de gabinete do ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB), Deonilson Roldo, e o empresário apontado como operador financeiro do político, Jorge Atherino, foram condenados por crimes como corrupção passiva e fraude a licitação em um processo sobre a duplicação da PR-323. O trecho em questão liga Francisco Alves a Maringá, entre as regiões noroeste e norte do Paraná.

Ler mais

Novas tarifas de pedágio começam a valer no Paraná: reajustes variam de 2,9% a 3,3%

Os novos preços das tarifas de pedágio no Paraná começaram a valer nesta terça-feira (10). Os percentuais de reajuste anual, de 2,9% a 3,3%, foram homologados pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Infraestrutura do Paraná (Agepar). Vale dizer que todas as empresas que possuem concessão de pedágio no Paraná estão envolvidas em corrupção: Viapar, Rodonorte, Econorte e as

Ler mais

Richa é denunciado em mais um processo na Lava Jato: os crimes são de corrupção, lavagem de dinheiro e fraude em licitação na PR-323

O ex-governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), aos poucos está se tornando o ‘Cabral do Paraná’. Os escândalos de corrupção são tantos, que é mais fácil perguntar ao tucano onde não houve corrupção. São denúncias nos pedágios, nas escolas, na saúde, nas licitações de rodovias, em programas como o Patrulha do Campo. A ficha é extensa e a tendência é

Ler mais

Rodonorte pede desculpas aos usuários por corrupção nos pedágios

A CCR Rodonorte enviou uma nota à imprensa, em que assume o envolvimento nos esquemas de corrupção de pedágio do Paraná e pede desculpas aos usuários. A empresa admitiu “que participou de atos de corrupção” e reconheceu as falhas, dizendo que “errou ao não adotar políticas adequadas de transparência e gestão”. Além disso, a CCR Rodonorte pediu o perdão dos paranaenses

Ler mais

Com acordo de leniência, pedageiras corruptas querem garantir concessões no Paraná

As seis concessionárias de pedágio que atuam no Paraná estão fazendo articulações nos bastidores para que possam continuar com concessões no estado, mesmo depois de terem assaltado os paranaenses desde 1997. Os contratos de pedágio encerram em 2021. As concessões de pedágio no estado estão nas mãos de seis concessionárias: as do Grupo CR Almeida: Ecovia, Ecocataratas e Caminhos do

Ler mais

Justiça manda bloquear R$ 2 bilhões de concessionárias de pedágio do Paraná

A Justiça Federal determinou o bloqueio de aproximadamente R$ 2 bilhões de ativos financeiros das concessionárias de pedágio do Paraná. Também tiveram bens bloqueados os ex-diretores que estiveram no comando destas empresas, no período das investigações da Operação Integração, a ‘Lava Jato dos Pedágios’. Os bloqueios foram determinados pelo juiz federal Paulo Sergio Ribeiro, da 23ª Vara da Justiça Federal

Ler mais

Richa vai levar o ‘primo Abi’, réu na Lava Jato, como testemunha no processo de corrupção dos pedágios

O ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) decidiu levar Luiz Abi Antoun, ‘o primo Abi’, como testemunha de defesa no processo que responde na Lava Jato. Neste caso, ainda não é possível dizer se Abi, que Richa dizia que era “primo distante”, vai fazer papel de defesa ou de acusação, pois os procuradores da Lava Jato afirmaram que Abi era

Ler mais

Justiça torna Beto Richa réu por corrupção e organização criminosa

O ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) virou réu na Operação Integração, que apura suspeitas de desvios na concessão de estradas estaduais, acusado dos crimes de corrupção passiva e organização criminosa. Para o juiz federal substituto Paulo Sérgio Ribeiro, os depoimentos do delator Nelson Leal Júnior, aditivos assinados por Richa quando era governador, comunicações obtidas após escutas telefônicas e documentos de negociações

Ler mais

Lava Jato denuncia Beto Richa, irmão e mais 32 por esquema de corrupção no pedágio

  A força-tarefa da Lava Jato do Ministério Público Federal no Paraná (MPF/PR) denunciou nesta segunda-feira (28), o ex-governador do Paraná, Beto Richa (PSDB) e o seu irmão José Richa Filho (ex-secretário de Infraestrutura e Logística) pelos crimes de organização criminosa, corrupção passiva e participação em com a máfia das concessionárias de pedágio do Paraná. Segundo o MPF, o esquema

Ler mais

Justiça pede bloqueio de bens de Beto Richa

O ex-governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), que responde por vários processos de corrupção, terá os bens bloqueados pela Justiça. Em uma ação civil pública que pede o ressarcimento de R$ 20 milhões aos cofres da prefeitura de Curitiba. A decisão liminar é do juiz Guilherme de Paula Rezende, da 4ª Vara da Fazenda Pública de Curitiba. O processo apura

Ler mais

Ex-diretor do DER diz que Beto Richa “sabia tudo sobre o esquema de propina nos pedágios”

O ex-diretor do Departamento de Estradas de Rodagem (DER-PR), Nelson Leal Junior, afirmou em delação premiada que havia “acordão político” na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Pedágios da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep). Ou seja, a tal CPI estava, na verdade, agindo para favorecer as concessionárias de pedágio. Nelson Leal também detalhou a participação do ex-governador do Paraná, Beto

Ler mais

Temer é indiciado por corrupção no inquérito dos portos

A Polícia Federal (PF) indiciou nesta terça-feira (16) o presidente Michel Temer e outras 10 pessoas, incluindo sua filha Maristela, por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa, no inquérito do chamado “Decreto dos Portos”. Foram 13 meses de investigação e as autoridades enviaram o relatório, assinado pelo delegado Cleyber Malta Lopes, ao Supremo Tribunal Federal (STF). O caso

Ler mais

Ministério Público aponta que a corrupção nos pedágios do Paraná existe há 19 anos

O Ministério Público do Paraná (MPF-PR) destaca que o esquema de corrupção dos pedágios do Paraná existe desde o ano de 1999 até os últimos anos. A corrupção no pedágio passou pelos governos de Jaime Lerner, Roberto Requião (MDB) e Beto Richa (PSDB). Mas segundo os procurados até o momento “apenas Beto Richa foi citado como beneficiário no esquema”, conforme

Ler mais

Justiça homologa delação que envolve governo de Beto Richa no esquema de corrupção nos pedágios do Paraná

O ex-diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) do Paraná, Nelson Leal Júnior, teve seu acordo de colaboração premiada homologado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4). Ele foi preso na 48ª fase da Operação Lava-Jato,chamada de Operação Integração, a Lava Jato dos Pedágios. Esquema de corrupção deixou o pedágio do Paraná quatro vezes mais caro, segundo o Ministério

Ler mais

Aécio Neves vira réu no Supremo por corrupção e obstrução de Justiça

A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta terça-feira (17) receber a denúncia contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) por suposta prática de corrupção passiva e obstrução de Justiça. Com isso, o senador será transformado em réu pela primeira vez. Por unanimidade, os cinco ministros da turma (Marco Aurélio Mello, Luís Roberto Barroso, Luiz Fux, Rosa Weber e Alexandre de

Ler mais

No Chile, repórter é expulso após questionar Temer sobre corrupção

O apresentador e repórter do CQC Chile, Sebastián Eyzaguirre, também conhecido como “Cuchillo”, foi expulso do Congresso Nacional enquanto realizava uma entrevista com o presidente  Michel Temer (MDB), em Valparaíso, neste domingo (11). As informações foram divulgadas pelo canal local Mega e confirmadas pelo próprio profissional em sua página no Instagram. O programa realizava a cobertura jornalística da cerimônia de

Ler mais

Maioria da bancada do Paraná “salva” Temer da investigação por corrupção e organização criminosa

A Câmara dos Deputados salvou pela segunda vez Michel Temer (PMDB). Mas a votação foi apertada, Temer conseguiu escapar da investigação com uma diferença de 18 votos apenas. Acusado de corrupção, obstrução de justiça e organização criminosa, Michel Temer obteve 251 votos favoráveis (contra a investigação) e 233 deputados votaram contra o presidente (a favor da investigação). A votação contou

Ler mais

Deputados salvam mandato de Temer e não autorizam que ele seja investigado por corrupção passiva

Ao final da sessão, 263 votaram a favor de Temer (contrários a investigação e afastamento). Outros 227 votaram contra o presidente (pela abertura de investigação e afastamento de Temer.  Além desse resultado, 19 deputados fugiram da votação e houve ainda duas abstenções. Para o afastamento e investigação de Temer seriam necessários 342 votos, dos 513 deputados. Com o arquivamento da

Ler mais

Aliel defende afastamento de Temer para investigação e Sandro segue “no muro”

M

A Câmara Federal poderá votar nesta quarta-feira (2) o processo da denúncia de corrupção passiva do presidente Michel Temer (PMDB). A sessão é destinada à votação do parecer da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), que pede o arquivamento do caso. Para que Temer seja afastado são necessários 342 votos dos 513 deputados. Os deputados ponta-grossenses Aliel Machado (Rede) e

Ler mais

Ibope aponta que 81% querem abertura de processo para investigar Temer por corrupção

A pesquisa do Ibope encomendada pela ONG Avaaz avaliou o posicionamento dos eleitores brasileiros sobre a atuação dos deputados federais na sessão de votação que pode definir a abertura de um processo contra o presidente Michel Temer. A votação está marcada para quarta-feira (2) no plenário da Câmara. Segundo a pesquisa,  81% dos entrevistados querem a abertura do processo para investigar

Ler mais

PSD decide votar contra denúncia sobre Temer: Sandro Alex terá que obedecer o partido?

Após reunião nesta quarta-feira (12), a bancada do PSD decidiu que vai votar contra a admissibilidade da denúncia contra o presidente Michel Temer na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) e depois o mesmo em plenário obviamente. Para os deputados do PSD “a denúncia carece de consistência jurídica e de provas”. Porém, o presidente da legenda no Paraná, Sandro Alex,  ainda

Ler mais
« Entradas mais Antigas