Quem ganha com a renovação do contrato com a Sanepar?

Imagem: Portal a Rede/montagem Bhya Amabylle
Imagem: Portal a Rede/montagem Bhya Amabylle

A audiência pública sobre a renovação do contrato com a Sanepar, que deveria ouvir a população, não terá esta finalidade. Pois o encontro acontecerá nesta terça (16), às 14h, na Câmara dos Vereadores, horário em que os principais interessados estão trabalhando. Sendo assim, qual é o objetivo dessa audiência pública?
Seria apenas “para dizer que foi feita a audiência pública”? O que de concreto vai acontecer depois das discussões? Como confiar em uma audiência pública, organizada pela Agência Reguladora de Águas e Saneamento (ARAS), que é da prefeitura, principal interessada na renovação do contrato, além da Sanepar?

O fato é que existem muitas coisas escondidas nas entrelinhas de uma forçada e insistente posição do prefeito Marcelo Rangel (PPS), em renovar um contrato com a Sanepar por 30 anos. A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Sanepar, aponta que o contrato deveria custar aproximadamente R$ 2,8 bilhões, no entanto, a prefeitura cogita uma renovação por R$ 22 milhões, valor que a Sanepar arrecada em três meses.
Algumas questões precisam ser levantadas: seria essa renovação uma forma de fazer um caixa para as eleições de 2016, além de garantir recursos para algumas obras, como o lendário Lago de Olarias? Até quando a população de Ponta Grossa ficará refém de longos contratos, voltados a interesses políticos e pessoais?

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s