“Chefão da Câmara” tenta impedir o trabalho da imprensa

Foto divulgação Facebook
Foto divulgação Facebook

– O diretor da Câmara dos Vereadores de Ponta Grossa, Renato Webber de Oliveira, tentou dificultar o trabalho dos jornalistas – 

Não bastasse o caos instalado na Câmara dos Vereadores de Ponta Grossa, por conta da polêmica emenda sobre a inclusão da discussão de gênero no Plano Municipal de Educação, jornalistas foram surpreendidos pelo “Chefão da Câmara”, o diretor Renato Webber de Oliveira, que retirou alguns jornalistas do plenário, enquanto a sessão estava paralisada.  Isso mesmo! A sessão estava paralisada.

De acordo com o “Chefão da Câmara”, os jornalistas poderiam fazer as entrevistas nos corredores para evitar tumultos no plenário. O fato é que foi uma medida infeliz, desnecessária e de extrema falta de respeito com os profissionais que estavam trabalhando no local. “Jornalistas não podem fazer entrevistas dentro do plenário. Tenham bom senso e colaborem”, disse o chefão.

 Questionado sobre os motivos para saída dos jornalistas do plenário, sendo que a sessão estava suspensa, o “Chefão”, alegou que os profissionais estavam causando tumulto no ambiente. “Tem muita gente aqui dentro, só estou dizendo para que façam as entrevistas lá fora. Não é preciso fazer as reportagens aqui dentro”, tentou argumentar o “Chefão da Câmara”.

Além de desrespeitoso, o “Chefão” acha que pode dizer aos jornalistas onde devem gravar. Uma repórter de uma emissora de TV ficou indignada por que estava fazendo a gravação de uma passagem e o “Chefão”, mandou que ela saísse do plenário. A jornalista precisava fazer a passagem no plenário, exatamente para mostrar a movimentação, obviamente que nos corredores a imagem não seria a mesma.

Mesmo com as declarações do “Chefão”, de que estava apenas cumprindo ordens, o presidente da Câmara, Sebastião Mainardes Júnior, afirmou que não mandou retirar os jornalistas do local. “Não mandei tirar ninguém do plenário. Se o Renato fez isso, não foram minhas ordens. Tomou essa atitude por conta própria, vou chamar a atenção dele”, explicou Mainardes.

Com tantos problemas terríveis em nossa cidade, ainda tem isso, assessores que precisam mostrar algum tipo de função que justifique o salário que recebem com o dinheiro público. Se existe tumulto durante as sessões, certamente não é culpa dos jornalistas! E sim dos próprios vereadores que votam projetos ridículos, que na maioria das vezes, não acrescentam em nada para cidade.

Também existe um tumulto causado por assessores que não fazem nada, a não ser desfilar no plenário ou ficam parados nas portas, tentando impedir a entrada da imprensa. E por que querem tanto boicotar a imprensa? Para impedir que sejam mostradas as baixarias e vergonhas que acontecem lá dentro. E tudo custeado com dinheiro do povo. Somos nós que pagamos para o “Chefão” e demais assessores ficarem andando e tomando café a tarde toda.

Mas este blog não vai parar de divulgar as vergonhas de “Sucupira” (Câmara dos Vereadores de Ponta Grossa). Nem que venha o “Chefão”! Este blog está a serviço da população, que precisa de mídias sem “rabo preso” com políticos! Por isso vou sempre mostrar a política de Ponta Grossa, como ela realmente é, ou seja, suja, baixa, incompetente e extremamente limitada, com raríssimas exceções.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s