Passagem da tocha em PG é marcada por protestos contra Rangel

protestos rangel
Gastos com a passagem da tocha olímpica, geram revolta na população de Ponta Grossa. (Imagens: divulgação/ reprodução Portal A Rede/Mario de Andrade/montagem: Mareli Martins)

Durante a passagem da tocha olímpica nesta sexta-feira (15), em Ponta Grossa, ao contrário do que algumas mídias tentaram mostrar, “não foram apenas flores”. Mídias que são muito bem pagas pelo prefeito Marcelo Rangel, claro! Em vários bairros os moradores protestaram com faixas, placas e cartazes. As principais reclamações foram sobre a precariedade das ruas, a falta de pavimentação, buracos gigantes, que logo serão “tombamentos históricos”, diante da ineficiência do poder público.

A saúde pública também foi alvo de protestos. Faltam médicos nas unidades de saúde, nas áreas de especialidades, medicamentos e atendimento humanizado. E ainda bem que temos os médicos cubanos, oriundos do ‘Mais Médicos’, programa do Governo Federal. Ah, se não fossem os cubanos!

E as dificuldades não param por aí. As entidades sociais estão com atrasos no repasse de verbas, o restaurante popular enfrenta uma série de dificuldades, os carros do Conselho Tutelar sofrem com falta de gasolina. Mas gastar em exagero com a vinda da tocha e com publicidade,” isso dá pra fazer”.

O problema não foi a passagem da tocha da olímpica pela cidade, mas os R$ 136 mil desembolsados dos cofres públicos para tudo isso. E não houve, ao menos, uma explicação convincente do governo municipal para tamanho descaso com o dinheiro público. Dizer que este recurso foi utilizado com “segurança e instalação de banheiros químicos”, não é justificativa.

Com um trânsito ainda mais caótico do que já é, com shows e “palhaços”, o “espetáculo” foi armado. O que ocorre, é que a velha “política do pão e circo” ainda é muito usada por políticos que não cumprem os compromissos assumidos em campanha e que vivem na “terra do faz de contas”, do “isso dá pra fazer” e “Ponta Grossa faz”, embora digam os moradores que “não faz”.

O fato é que a tocha passou, a prefeitura gastou e os problemas ficaram. E agora, Rangel? Qual será o próximo espetáculo? E quanto vamos pagar?

Anúncios

Um comentário

  1. Parabéns pelo texto impecável…Esse é bem o sentimento dos trabalhadores honestos de Ponta Grossa.
    Até quando esse tipo de verme político vai habitar em nosso planeta?!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s