Coronavírus: “O pico da curva no Paraná será entre o final de maio e a primeira quinzena de junho”, diz Beto Preto

beto preto 2

“De cada cem pessoas que tem coronavírus, oitenta e seis são assintomáticos”, disse o secretário de Saúde do Paraná, Beto Preto. (foto: Aen)

Em entrevista à Rádio T e ao Blog da Mareli Martins neste sábado (25), o secretário de Saúde do Paraná, Beto Preto, afirmou que “não existe zona de conforto no combate ao coronavírus no Paraná”, mas disse que “a situação está equilibrada”.

O secretário afirmou que o Estado trabalha com a possibilidade de que “o pico da curva aconteça entre o final de maio e a primeira quinzena de junho”. Porém, segundo o secretário, isso vai depender do comportamento das pessoas: “se mantivermos o isolamento social e as medidas de controle, pode ser que isso não aconteça”.  (Ouça entrevista no final do texto)

Questionado sobre o baixo número de testes para o coronavírus, o secretário disse que nesta semana, o estado vai ampliar o número de testes. “Estávamos realizando em torno de quinhentos a seiscentos testes, padrão outro, mas nesta semana vamos ampliar a oferta, vamos dobrar esse número. Isso será possível porque a Fundação Ficruz vai ampliar um laboratório dentro do Tecpar de Curitiba”, disse o secretário Beto Preto.

Segundo o secretário, o número insuficiente de testes faz que com muitos casos sejam subnotificados. “Todos trabalham com a subnotificação no Brasil e no mundo. De cada cem pessoas que tem coronavírus, oitenta e seis são assintomáticos”, destacou o secretário.

“O pico da curva será entre o final de maio e a primeira quinzena de junho”, diz Beto Preto

“A curva vai aumentar quando tivermos a entrada efetiva do frio, na segunda quinzena de maio e primeira semana de junho, nesse período acreditamos que vai aumentar o número de casos de coronavírus no Paraná”, declarou o secretário.

Paraná tem 1.186 casos confirmados e 75 óbitos por coronavírus 

A Secretaria de Saúde do Paraná divulgou nesta segunda-feira (27) um boletim sobre a situação da Covid-19 no estado. 1186 pessoas foram confirmadas com a doença, destas 753 estão recuperadas e liberadas do isolamento. 75 morreram por consequência da Covid-19.

Os 30 novos casos são registrados nos municípios: Paranaguá (2), Campo do Tenente (1), Curitiba (10), Piraquara (2), Colombo (1), Ponta Grossa (1), Cascavel (1), Campo Mourão (3), Nova Londrina (1), São João do Caiuá (2), Paranavaí (2), Paraíso do Norte (1), Terra Rica (1), Maringá (1) e Apucarana (1).

São 119 cidades paranaenses com registro de casos confirmados e 33 com óbitos pela Covid-19.

Os dois óbitos em decorrência da Covid-19 são de uma mulher de 55 anos residente em Verê e um homem de 89 anos residente em Ivaiporã. Ambos estavam internados.
A quantidade de pacientes que residem fora do Paraná segue a mesma: 15 confirmados e dois óbitos, conforme detalhamento no Informe Epidemiológico.

Comitiva de Ratinho Jr segue isolada

O governador Ratinho Júnior (PSC), o secretário estadual de Saúde Beto Preto e todos os integrantes da comitiva estadual que tiveram contato direto com o ex-ministro da saúde e atual deputado Ricardo Barros (PP), que testou positivo para Covid-19, ficarão isolados até que os resultados de exames sejam divulgados.

Boa parte da comitiva que esteve em Maringá, no norte do Paraná, anunciando recursos ao Hospital Universitário (HU), já realizou exame junto ao Laboratório Central do Estado (Lacen).

O governo afirma que todos estavam usando máscaras e microfones foram higienizados com álcool gel antes de serem utilizados.

Ouça a entrevista completa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s