Bolsonaro diz que não vai interferir em preços e indica novo aumento nos combustíveis

Apenas em 2021, a Petrobras já aplicou 14 reajustes para a gasolina nas refinarias, sendo 10 de altas e 4 de baixas. Com isso, o preço do combustível subiu 61,9%. O diesel acumula alta de 51,4%.(Foto: Reprodução/CNN Brasil)

Em entrevista concedida no domingo (24) juntamente com o Ministro da Economia, Paulo Guedes, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que nesta semana haverá uma nova alta nos preços dos combustíveis.

Os novos preços passam a valer a partir de terça-feira (26). A gasolina terá reajuste passando de R$ 2,98 para R$ 3,19 por litro, que corresponde a uma alta de 7%. Para os consumidores, o reajuste médio será de de R$ 0,21 por litro.

Já o litro do diesel passará a ser vendido por R$ 3,34 nas refinarias da Petrobras, o que representa um aumento de cerca de 9% sobre o preço médio atual, de R$ 3,06. O impacto para o consumidor final seja um aumento de R$ 0,24 por litro.

“Temos, pelo que tudo indica, um reajuste nos combustíveis nos próximos dias. Para isso não é preciso ter bola de cristal, nem informações privilegiadas, que eu não tenho. Não vou interferir na Petrobras, não tenho poder para interferir na Petrobras. Tenho discutido com o Guedes o que fazer com a Petrobras no passado. Mas não vou interferir no preço de nada”, afirmou Bolsonaro. Ouça:

Na campanha eleitoral em 2018, Bolsonaro disse que iria baixar os preços dos combustíveis se fosse eleito. “Vamos deixar o combustível na bomba para os brasileiros de forma que o preço fique acessível aos brasileiros. Estamos no limite e não dá ficar do jeito que tá aí. Vamos deixar os preços mais razoáveis, ou seja, mais baixos”, disse Bolsonaro, quando concorreu a eleição em 2018. Ouça:

Com o novo aumento, em Ponta Grossa, o preço da gasolina pode chegar a R$ 6,50 o litro e o diesel ficará perto dos R$ 5 o litro.

Apenas em 2021, a Petrobras já aplicou 14 reajustes para a gasolina nas refinarias, sendo 10 de altas e 4 de baixas. Com isso, o preço do combustível subiu 61,9%. O diesel acumula alta de 51,4%.

Confira a entrevista completa de Bolsonaro para a CNN Brasil

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s