Moradores de Ponta Grossa denunciam ao MP fechamento da Unidade de Saúde de Olarias

A secretária da Associação de Moradores de Olarias, Ana Fillus, disse que a população entrou em contato com o Ministério Público, diante do descaso da Prefeitura de Ponta Grossa.

Moradores do bairro de Olarias, em Ponta Grossa, fizeram denúncias ao Ministério Público (MP) devido ao fechamento da Unidade Básica de Saúde (UBS), Sady Silveira, que será transformada em Centro de Atendimento Infantil. A Prefeitura de Ponta Grossa informou que os moradores serão atendidos na UBS Madre Josefa, localizada na vila Coronel Cláudio.

Em entrevista à Rádio Clube e ao Blog da Mareli Martins, a secretária da Associação de Moradores de Olarias, Ana Fillus, disse que a população entrou em contato com o Ministério Público, diante do descaso da Prefeitura de Ponta Grossa.

“O Ministério Público nos disse que vai fazer uma ação coletiva, relatamos tudo e eles nos orientaram a ligar para ouvidoria da prefeitura. Eles nos disseram que vão fazer uma ação coletiva, mas não sabemos ainda se teremos uma resposta do Ministério Pública. E precisamos de uma resposta urgente”, disse Ana Fillus.

Segundo Ana Fillus, os moradores terão dificuldades de deslocamento até a UBS Madre Josefa, que fica na Vila Coronel Cláudio.

“A Unidade de Saúde da Coronel Cláudio fica em torno de quatro quilômetros  da outra unidade, então quem não tem carro vai ter dificuldade, porque é longe. Além disso, alguns moradores tem problemas de mobilidade ou não tem condição de pagar a tarifa de ônibus. E as ruas da Coronel Cláudio são muito precárias, como buracos e subidas. Isso via trazer um transtorno para mais de dez mil pessoas”, informou a secretária da Associação de Moradores de Olarias.

A moradora relatou que não houve nenhum comunicado da Prefeitura de Ponta Grossa sobre o fechamento da UBS de Olarias.

“Ficamos sabendo pela imprensa e pelos funcionários, agora todos os protocolos de atendimento terão que ser feitos novamente. A prefeitura faltou com o respeito quando não informou a população”, afirmou.

A UBS Sady Silveira foi entregue aos moradores de Olarias há um ano, com investimentos de R$ 750 mil: “estão quebrando paredes e jogando fora todo esse dinheiro”, lamentou Ana.

“UEPG precisa explicar a suspensão do PAI no Hospital da Criança”

A Associação de Moradores de Olarias está cobrando uma posição sobre o processo de doação do Hospital da Criança para a Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) devido à suspensão do Pronto Atendimento Infantil (PAI).

“Na lei que foi feita a doação para UEPG diz que o atendimento deveria continuar, então não explicaram a suspensão do atendimento. A UEP precisa explicar. E os vereadores tem que fiscalizar, pois foram eles que aprovaram essa doação”, declarou Ana Fillus.

OUÇA A ENTREVISTA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s