Policial militar é suspenso e oito pessoas são presas em operação contra tráfico e homicídios em Ponta Grossa

Policial militar é alvo de mandado de suspensão atividade, durante operação contra grupo suspeito de tráfico e homicídios em Ponta Grossa. (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Um policial militar foi suspenso de suas atividades por possível envolvimento em ação criminosa. O afastamento ocorreu após a operação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e da Polícia Civil contra uma organização criminosa suspeita de tráfico de armas e drogas e homicídios em Ponta Grossa, na região dos Campos Gerais.

Segundo o Gaeco, oito pessoas foram presas na ação, que ocorreu na manhã desta terça-feira (28). Foram seis prisões preventivas, uma temporária e outra em flagrante por posse de arma de fogo de uso irrestrito. Três investigados permanecem foragidos. Além disso, foram cumpridos também buscas em nove endereços.

Investigações 

As investigações, iniciadas em março de 2022 pelo Gaeco e corroboradas por inquéritos da Polícia Civil, indicam que vários homicídios e tentativas de assassinatos ocorridos em Ponta Grossa em 2021 e 2022 estão relacionados a um conflito entre facções criminosas que disputam o mercado de drogas na região. Para a execução dos crimes, os criminosos utilizaram armas de calibres restritos, como fuzis e pistolas 9 mm.

Dentre os homicídios suspeitos de serem determinados e executados pela facção, está o de uma advogada assassinada em março deste ano. A disputa territorial seria responsável pelo aumento expressivo dos crimes dolosos contra a vida na região de Ponta Grossa em 2021 e 2022.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s