vídeo Osmar diz que não quer o MDB pela ligação com o PT, mas Requião lembra que Osmar foi cargo de Dilma e disputou a eleição de 2010 com apoio do PT

blog osmar PT
Requião e Osmar Dias já estiveram juntos em campanhas eleitorais e em coligações que contavam com o PT.

Ao descartar aliança com o MDB, o ex-senador e pré-candidato ao Governo do Paraná, Osmar Dias (PDT), declarou que “não quer aliança com o PT” e que “não concorda com os posicionamentos do presidente estadual do MDB, o senador Roberto Requião em defesa do ex-presidente Lula.” Osmar também disse que “não conseguiu superar outras divergências com o MDB”.

Por outro lado, o senador Roberto Requião fez questão de lembrar o eleitorado que Osmar Dias teve cargo no governo de Dilma Rousseff (PT), como vice-presidente de Agronegócios e Micro e Pequenas Empresas, no Banco do Brasil, no período de 2011 a 2016.

Além disso, Requião destacou que Osmar  disputou eleições com o apoio do PT. Em 2010, Osmar disputou o governo do Paraná em uma coligação que contava com o apoio do PT. Ele também teve como vice no mesmo ano, o ex-deputado federal Rodrigo Rocha Loures (MDB), “o homem da mala dos 500 mil”.

O racha entre Osmar e Requião pode traçar novos rumos nas eleições. Requião disse que o MDB terá candidatura própria e poderá lançar o deputado federal João Arruda como candidato ao governo. O nome de João Arruda foi apresentado durante a convenção do partido, no dia 21 de julho.

A convenção do PDT de Osmar será no próximo sábado (4) e poderá confirmar a candidatura dele ao governo. Sem o MDB, Osmar trabalha outras possíveis alianças, incluindo partidos ligados ao grupo do ex-governador Beto Richa (PSDB), que hoje é pré-candidato ao Senado.

Um dos partidos que poderá ir com Osmar Dias é o PSB, partido que sempre integrou a base de apoio a Beto Richa, com deputados conhecidos na “bancada do camburão”, Luiz Claudio Romanelli, Alexandre Curi, Tiago Amaral e Jonas Guimarães.

Vale destacar que o PT terá candidatura própria nas eleições para o governo do Paraná. O partido lançou como candidato o Dr. Rosinha. E a única coligação possível, até o momento, deve ser com o PCdoB.

 

Clique no link e ouça a declaração de Osmar Dias para a Catve: 

https://catve.com/lais-lainy/223988/osmar-dias-divergencia-quebra-alianca-do-pdt-e-mdb-ao-governo

Ouça a declaração do senador Roberto Requião

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s