Pauliki afirma que Sandro e Aliel se uniram para “impedir sua candidatura por medo de perder a eleição”

6666
“Sandro e Aliel tentaram me vetar em alguns partidos, mas não conseguiram. Estão com medo por que sabem que farei mais de cem mil votos e vou me eleger deputado federal”, disse o deputado estadual e pré-candidato à Câmara Federal, Marcio Pauliki (SD).

O deputado estadual Marcio Pauliki (SD) disse ao Blog da Mareli Martins neste sábado (4) que vai manter a sua candidatura à Câmara Federal e que não existe hipótese de desistência. O deputado afirmou que recebeu convites de três grupos para que possa viabilizar sua candidatura. Pauliki lamentou a desistência de Osmar Dias (PDT), na disputa ao Governo do Estado.

E destacou que os deputados federais Aliel Machado (PSB) e Sandro Alex (PSD), “se uniram para impossibilitar a sua candidatura”. Segundo Pauliki, “Sandro e Aliel sabem do seu potencial de votos e, por isso, estão com medo”.

Marcio Pauliki disse que recebeu convites para fazer uma composição nas chapas do PSD, partido de Ratinho Jr, PSB e demais partidos que vão apoiar a candidatura de Cida Borghetti (PP) e também do MDB, por meio do deputado João Arruda, que vai concorrer ao Governo do Estado.

Pauliki negou que teria sido vetado por estes grupos. “Houve uma tentativa do Sandro de me vetar no grupo do Ratinho, mas isso não aconteceu. O Aliel Machado também tentou vetar o meu nome nas chapas que apoiam a Cida. Mas a verdade é que eu tenho convites para integrar chapas que estão com Ratinho, com a Cida e também com o João Arruda. E nós estamos avaliando a melhor aliança”, afirmou.

Marcio Pauliki deixou claro que nem cogita disputar o cargo de deputado estadual novamente e que isso foi plantado pelos adversários. “Em qualquer uma dessas chapas eu faço em torno de cem mil votos e isso preocupa o Sandro e o Aliel, por que eles tem medo de perder a vaga. Por isso eles fizeram articulações para que eu não dispute a eleição à Câmara e sim ao ao cargo de deputado estadual. Mas isso não vai acontecer”.

O deputado declarou que pretende coligar com um grupo de partidos que aceitem algumas das ideias que estavam sendo desenvolvidas na pré-candidatura de Osmar Dias. “Eu tenho levado em conta o fato de que eu trabalhei bastante na elaboração do plano de governo do Osmar e gostaria de integrar uma chapa que tenha um candidato ao governo que possa aceitar parte do nosso plano de governo”.

Nesse sentido, pode ocorrer uma composição envolvendo o PSD de Ratinho Jr, Podemos e SD. Em relação ao Podemos, Pauliki disse que já levou suas ideias para o professor Oriovisto Guimarães, candidato ao Senado. E que existe uma possibilidade de apoio à candidatura de Oriovisto fundador do Grupo Positivo).

Outra hipótese é de que o SD, de Pauliki, integre o chapão do MDB, juntamente com PDT, que já sinalizou apoio a João Arruda e também o PCdoB.

Além disso, Pauliki disse que está conversando também com partidos que integram a base de apoio de Cida Borghetti (PP) e Ricardo Barros.

Aliança mais provável é com o MDB de João Arruda e Roberto Requião

Apesar de não ter oficializado, Pauliki sinalizou ao Blog da Mareli Martins, que o deputado João Arruda, do MDB, é o que mais se aproxima do plano de governo criado para Osmar Dias, pois João representa uma candidatura de oposição aos outros que tem ligação com o ex-governador Beto Richa (PSDB), que vai disputar ao Senado.

Pauliki disse que teve uma conversa neste sábado (4) com João Arruda e que o encontro foi solicitado por João. “Nós já conversamos e de fato o João é que o tem mais afinidade com o programa que desenvolvemos para o Osmar”.

João Arruda confirmou que conversou com Pauliki e também deu a entender que “a aliança poderá ocorrer”, mas não oficializou.

Todos os grupos confirmam conversa com Pauliki

A verdade é com incoerências ou não, todos os grupos citados nesta matéria confirmaram ao Blog da Mareli Martins que conversaram com Pauliki.

Pauliki lamenta desistência de Osmar

“Eu sempre tive muito respeito e admiração pelo Osmar e vou continuar admirando, principalmente pelo caráter dele. É claro que lamento o fato de que não o temos mais como candidato ao Governo. Fiquei triste, pois perdemos um candidato que teria condições de ser eleito e ser um grande governador. Por outro lado, entendo que ele pela seriedade do Osmar, ele não quis se desvirtuar de seus valores”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s