Vereadores de Ponta Grossa terão que prestar contas sobre gastos com diárias

camara 1
Os valores das diárias variam de R$ 250, para viagens dentro do estado, a R$ 350, para viagens para fora do Paraná. (foto: CMPG)

A partir do mês de julho de 2019 os vereadores da Câmara Municipal de Ponta Grossa terão que prestar contas sobre os recursos públicos que utilizam em viagens a trabalho. Os parlamentares vão precisar comprovar todos os gastos com a apresentação de notas fiscais de tudo que foi gasto nas viagens.

Conforme ato da Mesa Executiva da Câmara a medida começa a valer a partir do dia 1º de julho. Isso também vale para outros servidores, exceto motoristas. Antes dessa mudança os vereadores não tinham a obrigação de apresentar os comprovantes. Os valores das diárias variam de R$ 250, para viagens dentro do estado, a R$ 350, para viagens para fora do Paraná.

Conforme a determinação, o detalhamento das despesas deve ser entregue em até cinco dias úteis após a viagem. Os gastos serão publicados no Portal da Transparência. O presidente da Câmara, Daniel Milla (PV), disse que o objetivo é ” ampliar a transparência do Legislativo”.

Anteriormente ao pedido da Mesa Executiva, os vereadores Geraldo Stocco (Rede) e Ricardo Zampieri (PSL) tentaram aprovar um projeto com o mesmo teor, mas tiveram a negativa com o argumento de que apenas a Mesa Executiva poderia apresentar essa proposta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s