Rangel suspende contrato de trabalho do presidente da AMTT: Roberto Pelissari continua preso

Roberto Pelissari tem contrato de presidente da AMTT suspenso. Pelissari continua preso por suspeita de fraude e corrupção no EstaR Digital de Ponta Grossa. (Foto:PMPG)

O prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel (PSDB), suspendeu o contrato de trabalho do presidente da Autarquia Municipal de Trânsito e Transporte (AMTT), Roberto Pelissari, que foi preso pelo Gaeco na última terça-feira (15). O Gaeco investiga corrupção e fraude no EstaR Digital de Ponta Grossa. 

A suspensão não significa exoneração, ou seja, Roberto Pelissari não foi desligado efetivamente da AMTT, apenas teve o contrato suspenso. Mas além de continuar preso, Pelissari não receberá o salário durante o período de afastamento do cargo.

Rangel designou o secretário da Fazenda, Cláudio Grokovisk, para responder pelos assuntos financeiros ligados aos salários dos servidores da AMTT.

A suspensão não significa exoneração, ou seja, Roberto Pelissari não foi desligado efetivamente da AMTT, apenas teve o contrato suspenso.

Veja as determinações do prefeito Marcelo Rangel no Diário Oficial.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s