Crônica da semana: Vieira Filho e o rapaz de “estilo” que circulou pela Rua da Estação em 1959

Ponta Grossa, início dos anos 50. (Foto: Blog – https://paulodafigaro.blogspot.com/)

Confira a crônica desta sexta-feira (9). Da autoria de Guaracy Paraná Vieira, o Vieira Filho, do Livro Perfis da Cidade. Escrita em 04 de fevereiro de 1959, o texto retrato um perfil diferente que circulou pela Rua da Estação em Ponta Grossa e que chamava atenção pelo estilo de roupa e postura e pela coragem de ser o que realmente era!

“Sem temer o ridículo, a estranha figura atravessou a movimentada Rua da Estação, em Ponta Grossa. E quantos andam assim despreocupadamente, sem temer o ridículo, sem ligar à opinião pública, vivendo numa pacata cidade do interior o que seriam, se pudessem, na capital do cinema. E parece que vivem mais felizes que nós, que fingimos muitas vezes ser aquilo que em realidade nunca almejamos ser”, escreveu Vieira Filho.

As crônicas vão ao ar todas as sextas, durante o Jornal Falado, das 12h às 13h, na Rádio Clube 94,1 FM e em parceria com o Blog da Mareli Martins.

A interpretação é da jornalista Mareli Martins. A edição é do músico e sonoplasta John Elvis Ribas Ramalho Junior.

Trilha musical:  The ecstasy of Gold, de Ennio Morricone (trilha do filme – O bom, o mau e o feio)

Clique no link para ouvir a crônica!

Ouça outras crônicas:

Crônicas | Mareli Martins

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s