Homem diz que “Câmara de PG é uma vergonha” e declaração gera bate-boca e confusão

Vereador Paulo Balansin (PSD) discute com homem que fez protesto na Câmara de Ponta Grossa nesta quarta-feira (18). (Foto: Reprodução/Vídeo)

A sessão da Câmara dos Vereadores de Ponta Grossa desta quarta-feira (18) foi marcada por protestos e confusão. Antes do início da sessão, um homem que estava nas galerias pediu para falar sobre as atitudes dos  vereadores.

“Gostaria de falar rapidamente antes que comece a sessão, para não tumultuar. Eu tenho visto esta Casa tomando decisões vergonhosas para a cidade de Ponta Grossa. Essa Câmara é uma vergonha”, disse.

Depois disso, o vereador Paulo Balansin (PDT) ficou alterado e começou a bater-boca com o homem. “Isso é o que você acha”, disse Balansin.

Diante da confusão, o presidente da Câmara de Ponta Grossa,Daniel Milla (PSD),acionou os seguranças da Casa para conter o manifestante.  “Peguem o nome deste senhor que está aqui na plateia faltando com respeito com os parlamentares”, declarou Milla.

Ainda durante o bate-boca, o homem comparou  Câmara de Ponta Grossa com a Câmara Federal quando o assunto é corrupção.

O vereador Paulo Balansin estava bastante alterado e rebateu: “então coloque a tua mãe aqui”.

Decisões polêmicas da Câmara

– Vereadores de Ponta Grossa arquivou em junho o pedido de abertura de Comissão Parlamentar Processante (CPP) para investigar o vereador Felipe Passos (PSDB), que possui graves denúncias de crimes de rachadinha e assédio sexual. Vereadores alegaram falta de provas para investigar o vereador. Mas recentemente, Felipe Passos virou réu em ação civil pública do Ministério Público pelos mesmas acusações. Mesmo assim, a Câmara de Vereadores de Ponta Grossa segue em silêncio sobre o caso.

– Vereadores seguem em silêncio sobre o caso do médico e vereador Eric Camargo (PSDB), que foi acusado de fornecer declaração falsa para paciente tomar a vacina contra a Covid-19 no grupo da comobidades.

– Câmara de Ponta Grossa ainda não abriu processo investigativo em relação ao vereador Izaias Salustiano (PSB), acusado de violência doméstica contra a ex-esposa. Salustiano disse que pediu para ser investigado.

– Câmara de Ponta Grossa aprovou as contas dos ex-prefeitos de Ponta Grossa, Jocelito Canto (referente ao ano de 2000) e Marcelo Rangel (referente ao ano de 2017). Ambos tiveram parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PR) pela reprovação das contas por irregularidades. Mesmo com o parecer contrário do TCE, os vereadores aprovaram as duas contas dos ex-prefeitos.

Nota da Câmara de Ponta Grossa

Diante da situação ocorrida na tarde desta quarta-feira, antes do início da Sessão Ordinária, quando um cidadão se dirigiu de forma bastante agressiva e desrespeitosa a um parlamentar, o presidente da Câmara Municipal de Ponta Grossa, vereador Daniel Milla, destaca que a presença dos munícipes na galeria da Casa é sempre muito bem-vinda.

Entretanto, a conduta precisa se pautar nos limites da urbanidade, da boa educação e do respeito ao Poder Legislativo. Qualquer ato que extrapole esses limites será encaminhado para os procedimentos legais cabíveis”.

Veja o protesto e a confusão na Câmara de Vereadores de Ponta Grossa

(Vídeo: Reprodução)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s