MP bloqueia bens de Marcelo Rangel e secretário municipal por irregularidades na München Fest de 2013

diario dos campos
imagem: Diário dos Campos

O prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel (PPS), o presidente da Fundação Municipal de Turismo, Eldo Ramos Bortolini e os empresários Iran Taques e Arielson Dias de Lima, tiveram os bens bloqueados pelo Ministério Público do Paraná (MP-PR), por irregularidades na 24ª Münchenfest de 2013. O MP questiona as relações do município envolvendo o Serviço de Obras Socias (SOS) e a Versus Produções Artísticas Ltda (Versus), Foram bloqueados R$ 250 mil de Rangel e Iran Taques e mais R$ 150 mil de Eldo Bortolini. De acordo com o MP ocorreu ilegalidade e uma ação ilícita entre a Prefeitura de Ponta Grossa, a Profair, do empresário Arielson Dias de Lima e a Versus Produções Artísticas, de Iran Taques.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s