Sandro Alex afirma que a Trincheira do Los Angeles em Ponta Grossa será concluída em 30 dias

sandro
Secretário de Infraestrutura e Logística do Paraná, Sandro Alex, disse que não há superfatura na obra da Trincheira do Los Angeles. Sandro deu o prazo de 30 dias para a entrega da obra. (foto: Mareli Martins)

Em entrevista à Rádio T e ao Blog da Mareli Martins nesta sexta-feira (31) o secretário de Infraestrutura e Logística do Governo do Paraná, Sandro Alex, disse que a Trincheira do Los Angeles será concluída no prazo de um mês. A obra está localizada na avenida Senador Flávio Carvalho Guimarães, na PR 151 e foi anunciada em 2014 pelo ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) em conjunto com o prefeito Marcelo Rangel (PSDB). (Ouça a entrevista completa ao final do texto)

“Nós gostaríamos de entregar essa obra em quinze dias, mas pode ser que leve trinta dias, o tempo pode atrapalhar um pouco. A população tem razão em cobrar, pois a obra começou em 2012, temos um histórico terrível dessa obra. Mas quero deixar claro que estamos fazendo em três meses o que não foi feito em três anos”, disse o secretário.

A obra que começou com o custo de R$ 6 milhões e atualmente já passa de R$ 15 milhões e contou com um aditivo de R$ 7 milhões solicitado pela prefeitura de Ponta Grossa em 2017. Mas Sandro Alex afirmou que não existe nenhum tipo de superfaturamento.

“O custo hoje é de quinze milhões porque a obra não tem nada a ver com o projeto inicial. Mas não tem um real, não tem um centavo que não tenha sido aplicado no material que foi feito lá Dizer que existe um valor aplicado e que não condiz com a obra é agir de má fé”, afirmou o secretário.

Erros de projeto
O projeto da Trincheira do Los Angeles foi elaborado pela prefeitura de Ponta Grossa e apresentou várias falhas, como não suportar a capacidade da passagem de caminhões em uma rodovia. E esses erros contribuíram para o atraso da obra. Mas por ser irmão do prefeito de Ponta Grossa, Marcelo Rangel (PSDB), Sandro Alex minimizou alguns pontos que envolvem a má elaboração do projeto.

“A prefeitura fez um projeto com um acesso a um bairro e não como um acesso a um contorno como lá necessitava. A obra que está sendo concluída nada tem a ver com a obra original. A obra original era basicamente um acesso a um bairro, mas foi transformada realmente em uma trincheira que dá giro de caminhões, inicialmente isso não existia. O projeto foi completamente refeito”, destacou.

Ouça a entrevista completa:

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s