“Renovação antecipada do contrato com a PGA coloca em xeque a credibilidade do governo de Rangel”, diz George

george e rangel

O vereador George de Oliveira acredita que a renovação antecipada de um contrato que vence apenas em 2024, pode comprometer a credibilidade do governo de Marcelo Rangel (PSDB). (Fotos: Divulgação)

O vereador George de Oliveira (PROS) disse ao Blog da Mareli Martins nesta quinta-feira (16), que “ficou surpreso com a rapidez da decisão da Justiça ao conceder liminar para a Ponta Grossa Ambiental (PGA)”.

A juíza da Primeira Vara da Fazenda Pública de Ponta Grossa, Jurema Carolina da Silveira Gomes suspendeu o Decreto Legislativo 139/2020, aprovado pela Câmara dos Vereadores de Ponta Grossa e que suspendeu o 36º aditivo firmado entre a Prefeitura de Ponta Grossa e a Ponta Grossa Grossa Ambiental.

Com a liminar concedida pela Justiça para a Ponta Grossa Ambiental, a prorrogação do contrato do lixo volta a valer até 2036. O decreto da Câmara é da autoria do vereador George de Oliveira (PROS).

“Estou muito surpreso primeiramente com o pedido de liminar, depois com a decisão tomada pela justiça e finalmente a velocidade com que tudo aconteceu. Não se justifica esta pressa, estamos falando de um contrato de mais 12 anos”, declarou George.

O vereador acredita que a renovação antecipada de um contrato que vence apenas em 2024, pode comprometer a credibilidade do governo de Marcelo Rangel (PSDB).

“O atual contrato vigente vence somente em meados de 2024. Não é competência desta administração sob nenhum pretexto esta renovação, deixando inclusive a credibilidade do governo em xeque”, disse George de Oliveira.

O vereador informou que pretende recorrer da decisão da Justiça. “A juíza certamente por nunca ter se deparado com um decreto legislativo, quero crer que ela não soube analisar da forma adequada. No meu entendimento a decisão liminar afrontou o regimento interno desta instituição. Mas vamos recorrer da liminar concedida. É importante salientar que o mérito ainda não foi apreciado, ou seja, não se trata de decisão final”, concluiu George.

Link relacionado:

https://marelimartins.com.br/2020/07/16/justica-derruba-decreto-da-camara-e-mantem-prorrogacao-do-contrato-entre-prefeitura-de-ponta-grossa-e-a-pga-ate-2036/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s