Concessionárias de pedágio alegam prejuízos na pandemia e querem mais aumento nas tarifas

Concessionárias querem usar pandemia para lucrar mais. (Foto: Divulgação)

As concessionárias de pedágio afirmaram que tiveram prejuízos durante a pandemia, mesmo sem nenhum tipo de paralisação das atividades do pedágio.

Na última quinta-feira (6) a Agência Nacional de Transporte Terrestre (ANTT) realizou uma audiência pública para buscar sugestões para a elaboração dos cálculos sobre os tais impactos apontados pelas concessionárias de pedágio.

A Federação das Empresas de Transportes de Cargas do Estado do Paraná (Fetranspar) fez um alerta sobre a manobra da ANTT que visa dar mais lucro para as empresas de pedágio.

O presidente da Fetranspar, Sérgio Malucelli, criticou a intenção das concessionárias. “Todos os setores tiveram e ainda estão tendo prejuízos com a pandemia. Por que o pedágio quer dividir com a sociedade o seu eventual desequilíbrio? Por acaso quando ocorreu faturamento acima em anos anteriores, foram chamadas audiências públicas para redução de tarifa?”, questionou.

Segundo Malucelli, as concessionárias precisam assumir o risco da operação. Afinal, qualquer atividade comercial, industrial ou de serviço está sujeita às volatilidades do mercado.

“Os contratos assinados são de risco e as empresas sabem disso. Além do mais, a pandemia não foi só prejudicial a setor A ou B. Toda a economia sofreu. Não podemos absorver prejuízos eventuais oriundos das empresas de pedágio”, disse.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s