Temer compra deputados e consegue aprovar a reforma trabalhista antes da greve geral

A reforma trabalhista foi aprovada pela Câmara Federal nesta quarta-feira (26). Foram 296 votos favoráveis e 177 contrários.

Parece que os “agrados” concedidos por Michel Temer (PMDB) aos deputados surtiram efeitos. Depois de comprar deputados com cargos em comissão e outros favores, Temer teve vitória nesta quarta-feira (26), com a aprovação da reforma trabalhista. Foram 296 votos favoráveis e 177 contrários. Temer precisava de 257 votos para a aprovação da proposta. Agora  o projeto seguirá para o Senado.

Dos 30 deputados do Paraná, 20 votaram a favor da reforma trabalhista, entre eles o deputado de Ponta Grossa, Sandro Alex (PSD). O deputado Aliel Machado (Rede) votou contrário ao projeto. (Veja no final da matéria a lista com os votos dos deputados)

E mais uma vez o deputado João Arruda (PMDB), traiu os princípios defendidos pelo seu tio, o senador Roberto Requião (PMDB). João Arruda votou favorável ao projeto da reforma trabalhista e da PEC dos gastos ‘PEC da Morte’.  Ele também se posicionou a favor da terceirização, mas faltou no dia da votação. As votações de Arruda sempre defendendo Michel Temer, tem causado desconforto no PMDB do Paraná, principalmente ao senador Roberto Requião e o deputado estadual Requião Filho, que são totalmente contrários às reformas apresentadas por Michel Temer. Para o senador Roberto Requião, “Temer está acabando com direitos dos trabalhadores e deixando prevalecer o domínio do capital”.

Em entrevista à Rádio T e ao Blog da Mareli Martins, no mês de março, o senador Requião não conseguiu esconder o desconforto ao ser questionado sobre os posicionamentos do sobrinho. “O João está errado. Está cometendo erros e está equivocado em muitas coisas. Como que eu posso dizer a você que quem vota com o Cunha está certo? O Cunha está preso”, disse o senador.

A proposta da reforma trabalhista propõe mudanças em vários pontos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT ). Entre os principais pontos está a prevalência de negociações entre patrões e empregados sobre a legislação.

Veja como foi o voto dos deputados paranaenses:

VOTARAM A FAVOR DA REFORMA TRABALHISTA:
Alex Canziani (PTB)
Alfredo Kaefer (PSL)
Dilceu Sperafico (PP)
Edmar Arruda (PSD)
Evandro Roman (PSD)
Giacobo (PR)
João Arruda (PMDB)
Leandre (PV)
Luiz Carlos Hauly (PSDB)
Luiz Nishimori (PR)
Nelson Meurer (PP)
Nelson Padovani (PSDB)
Osmar Bertoldi (DEM)
Reinhold Stephanes (PSD)
Rocha Loures (PMDB)
Rubens Bueno (PPS)
Sandro Alex (PSD)
Sergio Souza (PMDB)
Takayama (PSC)
Toninho Wandscheer (PROS)

VOTARAM CONTRA A REFORMA TRABALHISTA:
Aliel Machado (REDE)
Assis do Couto (PDT)
Christiane Yared (PR)
Enio Verri (PT)
Fernando Francischini (SD)
Leopoldo Meyer (PSB)
Luciano Ducci (PSB)

NÃO COMPARECERAM
Diego Garcia (PHS)
Hermes Parcianello (PMDB)
Zeca Dirceu (PT)

Links relacionados:

https://marelimartins.com.br/2017/04/24/reforma-trabalhista-confira-a-entrevista-do-deputado-aliel-machado-a-radio-t/

https://marelimartins.com.br/2017/04/22/reforma-trabalhista-confira-a-entrevista-do-deputado-sandro-alex-a-radio-t/
https://marelimartins.com.br/2017/04/20/a-reforma-trabalhista-de-temer-serve-para-retirar-direitos-dos-trabalhadores-diz-aliel-machado/

https://marelimartins.com.br/2017/04/20/ao-contrario-do-que-diz-a-oposicao-a-reforma-trabalhista-nao-retira-nenhum-direito-do-trabalhador-afirma-sandro-alex/https://marelimartins.com.br/2017/04/20/ao-contrario-do-que-diz-a-oposicao-a-reforma-trabalhista-nao-retira-nenhum-direito-do-trabalhador-afirma-sandro-alex/

https://marelimartins.com.br/2017/04/19/temer-faz-manobras-e-deputados-aprovam-urgencia-na-votacao-da-reforma-trabalhista/
https://marelimartins.com.br/2017/04/19/sandro-e-aliel-divergem-na-votacao-do-regime-de-urgencia-da-reforma-trabalhista/

https://marelimartins.com.br/2017/04/19/temer-sofre-derrota-na-camara-e-nao-consegue-acelerar-reforma-trabalhista/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s