APP-Sindicato diz que saída dos diretores mostra “método covarde e autoritário de Ratinho Jr e Feder”

APP-Sindicato questiona o Governo do Paraná sobre destituição de diretores das escolas.

Dirigentes da APP-Sindicato foram até a Secretaria da Educação de Paraná (Seed), na terça-feira (22), em busca de respostas a respeito da destituição dos diretores das escolas

Segundo a APP-Sindicato, o prédio da Seed estava fechado e não havia atendimento ao público. Foram realizadas tentativas de contato telefônico com o secretário, o empresário Renato Feder, mas ele não atendeu.

Em resposta a solicitação, o chefe da Casa Civil, Guto Silva, informou que está em viagem, mas que atenderá o sindicato na próxima semana.

O presidente da APP-Sindicato, professor Hermes Silva Leão, denuncia que a Seed transformou os Núcleos Regionais de Educação em “tribunais de inquisição” para destituir diretores de escolas.

Hermes destacou que tem acompanhado a situação e, só na região de Curitiba, cerca de 20 diretores já teriam recebido o comunicado de que não terão os mandatos prorrogados. O dirigente informa que o sindicato tem oferecido orientação e todo apoio a esses profissionais.

“Não dá pra ficarmos sem respostas sobre quem são as pessoas que vão compor a comissão julgadora dos recursos dos diretores afastados, qual a metodologia a ser aplicada na avaliação desses recursos, prazos de respostas. Queremos indicar um advogado e um dirigente do sindicato para acompanhar cada recurso”, disse Hermes Leão.

Veja a nota da APP-Sindicato

O método de gestão de Ratinho Jr (PSD), e Renato Feder é covarde. Ao realizar um levantamento preliminar sobre o afastamento de diretores identificamos que: dos 32 Núcleos Regionais de Educação cerca de 25 não afastaram nenhuma direção de escolas. Ou seja, em princípio, governador e secretário jogaram a responsabilidade às chefias dos NREs optarem por aplicar a medida de força ou não.

A mesma metodologia foi aplicada na demissão de professores PSS no final do ano passado. O secretário Feder autorizou diretores das escolas escolherem os PSS que gostariam que continuassem no trabalho e descartar outros por livre escolha. Felizmente a maioria das direções se negaram a aplicar a medida e a justiça determinou a readmissão das/os 500 ilegalmente demitidos. Agora empoderou as chefias de NREs. Saudamos a maioria das chefias que vem optando por não compactuar com essa prática ditatorial de afastar profissionais de seus cargos no meio da pandemia e desrespeitando as comunidades escolares. Repudiamos e denunciaremos as chefias (colegas de categoria), que vem aplicando métodos do neofascismo, entrarão na história como traidores de classe!   (APP-Sindicato)

O que diz o Governo do Estado:

A Seed informou que os “diretores e auxiliares de escolas estaduais que não cumpriram critérios estabelecidos pela Secretaria de Educação do Paraná (Seed) não terão os mandatos, que terminam neste mês, prorrogados até julho de 2021. Esses diretores estão sendo comunicados pela pasta”

Entre os critérios estão a “participação dos estudantes nas aulas não presenciais, número de acessos ao sistema, desempenho, frequência e rendimento dos estudantes.”

Sem data para a eleição que vai definir mais de 1,7 mil diretores, que foi suspensa pela justiça, o governo estadual decidiu pela prorrogação dos mandatos.

Porém, uma resolução de 17 de dezembro determina que a decisão não vale para aqueles diretores que não se adaptaram à gestão escolar no sistema de aulas não presenciais.

Nas escolas onde não houver a prorrogação dos mandatos, a Seed vai indicar diretor e diretor auxiliar, conforme lei aprovada pela Assembleia Legislativa do Paraná (Alep), em outubro deste ano.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s