“Déficit de grandes empresas com a Previdência é de R$ 500 bilhões e o governo nunca cobrou esses débitos”, diz senador Flávio Arns

flavio oficial 1
Reforma da Previdência: “Quando o governo fala em débitos de R$ 500 bilhões dessas grandes empresas e vem com uma proposta de recuperar apenas R$ 6 bilhões, acredito que é um mau exemplo para o bom pagador”, disse o senador Flávio Arns à Rádio T.

Em entrevista à Rede T de Rádios e ao Blog da Mareli Martins neste sábado (16), o senador Flávio Arns (Rede Sustentabilidade) deixou claro que não existem informações do Governo Federal, que possam comprovar o déficit da Previdência Social, que segundo o governo, já é de aproximadamente R$ 195,2 bilhões. O governo de Bolsonaro (PSL) está fazendo os últimos ajustes do projeto. A intenção é que o projeto seja encaminhado para Câmara Federal já nos próximos dias. (Ouça a entrevista no final do texto)

“Não vou dizer que não exista esse déficit, mas talvez não seja tudo isso. Esse é um dado que pretendo me debruçar muito”, disse o senador Flávio Arns.

Outra questão que os governos deixaram de lado é o fato de que grandes empresas devem muito para a Previdência Social. E isso nunca foi fiscalizado e agora o governo Bolsonaro alega que esses “débitos são irrecuperáveis”.

“Grandes empresas devem muito para a Previdência, de acordo com as estimativas, esse déficit das empresas é de R$ 500 bilhões. E é esse o debate que tem ser feito. Existe um argumento do governo de que a maioria desses débitos são irrecuperáveis, mas deveriam teriam fiscalizo isso. E nunca houve um acompanhamento. Por isso, nós temos um percentual de grandes empresas que devem muito dinheiro para a Previdência”, destacou o senador.

Segundo o senador, nessa questão das dívidas das grandes empresas, o que o governo está propondo não é justo para os bons pagadores. “Quando o governo fala em débitos de R$ 500 bilhões dessas grandes empresas e vem com uma proposta de recuperar apenas R$ 6 bilhões, acredito que é um mau exemplo para o bom pagador”.

Ainda conforme o senador Flávio Arns a população não pode continuar pagando pelos altos valores de aposentadorias de determinadas classes. “Quando alguém se aposenta, seja qualquer categoria, é preciso equilíbrio no caixa. Nenhuma categoria pode se aposentar, por exemplo, ganhando dez ou quinze mil e a sociedade inteira pagar por isso”, disse.

Ouça o que disse o senador Flávio Arns sobre a reforma da Previdência:

VEJA  A LISTA DAS 500 MAIORES EMPRESAS EM DÉBITO COM A PREVIDÊNCIA SOCIAL:

https://reporterbrasil.org.br/wp-content/uploads/2017/02/maioresdevedoresprevidencia.pdf

Ouça a entrevista completa do senador Flávio Arns à Rádio T e ao Blog da Mareli Martins:

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s